quinta, 23 de maio de 2019

Polícia Civil prende suspeitos de matar homem por dívida de aluguel em Itajá

Polícia Civil prende suspeitos de matar homem por dívida de aluguel em Itajá
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Polícia Civil prende suspeitos de matar homem por dívida de aluguel em Itajá

 Na última quarta-feira (9), policiais do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Jataí prenderam três suspeitos de terem matado Joadir Lopes Pinheiro, 36 anos, em outubro do ano passado. O crime aconteceu em Itajá, cidade a 412 quilômetros de Goiânia, e teria sido motivado por dívida de aluguel e ameaças que a vítima estaria fazendo contra familiares de um dos suspeitos.

 O delegado responsável pelo caso, Elexandre Cezar Rossignolo, declarou que a Joadir estaria ameaçando a mãe de um dos envolvidos. “Joadir era inquilino da mãe do suspeito e teria se desentendido com ela por causa de questões financeiras. Segundo A.N.F. [um dos detidos] a vítima devia um valor de aluguel e decidiram matá-lo”, comenta o delegado.

 Joadir foi levado por A.N.F e a esposa para o alto da Serra do Lual, zona rural de Itajá, onde o terceiro envolvido os aguardava. “No local, ele foi executado com dois disparos na cabeça. O trio enterrou seu corpo com a intenção de ocultar o cadáver e dificultar as investigações”, completa Elexandre.

 Devido ao estado avançado de decomposição, o corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto de Criminalística de Goiânia para o exame de identificação.

 A.N.F foi preso em casa, na cidade de Aporé. Os policiais apreenderam em sua residência 19 pedras de crack, aparelhos celulares e R$ 620 em espécie. A arma utilizada no crime, uma carabina calibre 38, foi apreendida em poder de I.Q.V, um dos envolvidos.

Polícia Civil prende suspeitos de matar homem por dívida de aluguel em Itajá

“A.N.F foi autuado em flagrante pelos crimes de tráfico ilícito de drogas e ocultação de cadáver. Sua esposa e I.Q.V foram autuados em flagrante por ocultação de cadáver. Os três irão responder por homicídio qualificado, considerando que o crime foi cometido mediante dissimulação, dificultando a defesa da vítima. Os autores encontram-se presos na cidade de Itajá”, conclui o delegado.

*Fabrício Moretti é integrante do programa de estágio do convênio entre Ciee e Mais Goiás, sob orientação de Thaís Lobo

Polícia Civil prende suspeitos de matar homem por dívida de aluguel em Itajá

Por: Mais Goiás                        

 Confira as principais notícias do Jornal Gazeta do Estado, jornal impresso com circulação nos Estados de Goiás, Tocantins e Distrito Federal. Publicação de Edital de Protesto, Edital de Intimação, Edital de Notificação, Edital de Desmembramento, Edital de Retificação, Edital de Comunicação, Edital de Licitação, Edital de Pregão, Edital de Proclamas, Balanço e notícias de Goiás, Tocantins e Distrito Federal. O Jornal Gazeta do Estado possui Central de Distribuição em Goiânia, Brasília e Palmas.

Acesse nosso site: http://gazetadoestado.com.br