terça, 21 de maio de 2019

Polícia atende chamado de violência doméstica e descobre cultivo de maconha

Polícia atende chamado de violência doméstica e descobre cultivo de maconha
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Polícia atende chamado de violência doméstica e descobre cultivo de maconha

Embriaguez ao volante, porte de substâncias entorpecentes e até agressão contra mulher são crimes que fazem parte da ficha criminal de um homem de 35 anos preso na manhã desta sexta-feira (17/8), no Guará.

Ele estava em liberdade condicional, usando tornozeleira eletrônica, quando sua companheira chamou a polícia denunciando episódio de violência doméstica. No momento da prisão, os policiais ainda encontraram 10 pés de maconha e várias semestes da droga.

O acusado estava em prisão domiciliar por ter sido pego enquanto dirigia bêbado, mas não parou de cometer crimes, segundo o soldado Marques da Polícia Militar. "Ele tem um longo histórico de passagens, inclusive pela Lei Maria da Penha, o que originou o chamado à PM. Quando chegamos lá, encontramos um área de cultivo de maconha, que o homem disse ser dele e que eram plantadas para consumo próprio."

De acordo com a Divisão de Comunicação da Polícia Civil (Divicom), a vítima disse que o casal está em um relacionamento há oito anos, mas que brigas como as que eles tiveram na última quinta-feira (16/8) a motivaram a chamar a PM. A detenção aconteceu às 9h30, na Chácara 20 do Guará II, e o homem foi preso em flagrante por tráfico de drogas, na 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul).

Fonte: Correio Braziliense