sábado, 16 de fevereiro de 2019

Polícia acha cerca de 4 toneladas de maconha após erro ortográfico em nota fiscal

Polícia acha cerca de 4 toneladas de maconha após erro ortográfico em nota fiscal
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Polícia acha cerca de 4 toneladas de maconha após erro ortográfico em nota fiscal

Um motorista foi preso em flagrante na Rodovia Régis Bittencourt (BR-116), em Cajati, na região do Vale do Ribeira – SP, ao transportar cerca de quatro toneladas de maconha.

O veículo que seguia para Vila Velha – ES, foi interceptado no Km 521 da rodovia, em um posto de fiscalização. O caminhão tinha placas de Guarapuava – PR, transportava um contêiner frigorífico (reefer) e estava com a documentação em dia, assim como a do condutor.

Um erro na descrição do produto na nota fiscal fez com que a Polícia Rodoviária Federal constatasse a falsificação nos documentos referentes à carga e fizessem uma varredura. No documento, estava escrito "'dorço' de frango congelado", sendo que o correto é "dorso".

Os agentes da PRF localizaram 3.920 kg de maconha no contêiner. Ao ser questionado, o motorista admitiu que carregou os congelados em Cascavel – PR, e que em seguida, um amigo lhe pediu que transportasse a droga. Ele receberia R$ 21 mil pelo frete da maconha, contra R$ 6 mil pelo frango.

O motorista de 31 anos, que não teve a identidade revelada, foi preso em flagrante e está à disposição da Justiça. O carregamento foi apreendido, assim como os congelados de frango. A Polícia Civil irá investigar.

Fonte: Notícias ao Mundo