sexta, 18 de outubro de 2019

PC prende grupo suspeito de cometer assassinatos, em Buriti Alegre

PC prende grupo suspeito de cometer assassinatos, em Buriti Alegre
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

PC prende grupo suspeito de cometer assassinatos, em Buriti Alegre

 Um grupo, suspeito de cometer três homicídios no ano passado em Buriti Alegre – a 186 quilômetros de Goiânia – foi preso na manhã desta sexta-feira (25). Segundo a Polícia Civil (PC), a principal motivação dos crimes seriam disputas por tráfico de drogas.

 O delegado Vinícius de Castro Penna conta que a força-tarefa foi montada em outubro do ano passado para investigar os homicídios. Os presos são Robert Alves dos Santos, Divino Eterno Venâncio Alves, Renan Fernandes Batista, Thales Henrique Alves Neres, Wesley Borges de Carvalho e Iully Pires de Oliveira. Maike Rodrigues da Silva está foragido.

 Penna afirma que o grupo teria assassinado Antônio Carlos Rosa da Silva, no dia 1° de julho de 2018 e, no dia 16 de setembro, Mattheus Inácio de Matos, que foi morto com disparo de arma de fogo. Todos os dois foram executados por trabalharem em um grupo rival do qual pertence os suspeitos.

 O único crime que não tem ligação com o tráfico foi o assassinato de João Batista Mendes. De acordo com o delegado, ele foi morto por ter envolvimento amoroso com a ex-esposa de Wesley, que mandou matá-lo.

 “Cada um tinha a sua tarefa no grupo. Robert e Divino eram os líderes. Nenhum assassinato era cometido sem o aval do dois. Renan era quem cometia os assassinatos. Maike e Thales davam suporte para a fuga. Iully era quem escondia o armamento”, conta.

 Todos já são reincidentes nas passagens criminais. A maioria são por tráfico e roubo. De acordo com o delegado, eles serão ouvidos no decorrer da semana que vem. Todos estão detidos na Unidade Prisional de Buriti Alegre.

Por: Mais Goiás

 Confira mais notícias no Jornal Gazeta do Estado, jornal impresso com circulação nos Estados de Goiás, Tocantins e Distrito Federal. Publicação de Edital de Protesto, Edital de Intimação, Edital de Notificação, Edital de Desmembramento, Edital de Retificação, Edital de Comunicação, Edital de Licitação, Edital de Pregão, Edital de Proclamas, Balanço e notícias de Goiás, Tocantins e Distrito Federal. O Jornal Gazeta do Estado possui Central de Distribuição em Goiânia, Brasília e Palmas. Fique bem informado, acesse:

http://gazetadoestado.com.br