segunda, 09 de dezembro de 2019

Menino de 9 anos é acorrentado e espancado pela mãe, em Sobradinho, DF

Menino de 9 anos é acorrentado e espancado pela mãe, em Sobradinho, DF
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Menino de 9 anos é acorrentado e espancado pela mãe, em Sobradinho, DF

 Uma mulher, de 34 anos, foi presa na manhã de ontem (4), suspeita de acorrentar e espancar o filho de 9 anos, em Sobradinho, no Distrito Federal (DF). A mãe da vítima irá responder por maus-tratos e lesão corporal. De acordo com Conselho Tutelar da região, o órgão chegou até a residência da família, no Acampamento Dorothy Stang, no Setor Habitacional Nova Colina, após denúncia anônima.

 No local, agentes encontraram o menino acorrentado e a mãe dele bastante agitada e nervosa. Os dois foram conduzidos para a Divisão de Controle e Custódia de Presos (DCCP). Lá, os conselheiros perceberam, por meio de marcas nas costas da criança, que ela havia sido espancada pela mulher. O garoto foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), onde passou por exame de corpo de delito.

 Aos conselheiros, a mãe afirmou que o menino estava sumido há cinco dias e, no desespero, teria o acorrentado para evitar nova fuga. Ela contou que usou uma “madeira de caixa” para bater no filho, e se excedeu.

 Por orientação do Conselho Tutelar, a vítima e quatro irmãos estão, provisoriamente, sob a responsabilidade de uma vizinha. “Junto com a Promotoria da criança, optamos por deixá-los com a vizinha que é bastante próxima. Estamos estudando as medidas. Não podemos tomar atitudes que possam causar dano psíquico e social a elas. Nós verificamos que a família mora em um barraco insalubre, de muita vulnerabilidade. Inclusive, o bolsa família está cortado porque o menino que foi vítima está infrequente na escola”, disse a conselheira Rosângela Cardoso.

 A mulher foi autuada por maus-tratos e lesão corporal e deve passar por audiência de custódia hoje (5). Caso seja condenada, poderá pegar de seis meses a quatro anos de prisão.

Da Redação

 Fique bem informado com as principais notícias do Jornal Gazeta do Estado, jornal impresso com circulação nos Estados de Goiás, Tocantins e Distrito Federal. Publicação de Edital de Protesto, Edital de Intimação, Edital de Notificação, Edital de Desmembramento, Edital de Retificação, Edital de Comunicação, Edital de Licitação, Edital de Pregão, Edital de Proclamas, Balanço e notícias de Goiás, Tocantins e Distrito Federal. O Jornal Gazeta do Estado possui Central de Distribuição em Goiânia, Brasília e Palmas. Acompanhe nosso site:

http://gazetadoestado.com.br