quinta, 12 de dezembro de 2019

Em Taguatinga, homem que matou a esposa na frente das filhas em Goiânia é preso

Em Taguatinga, homem que matou a esposa na frente das filhas em Goiânia é preso
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Em Taguatinga, homem que matou a esposa na frente das filhas em Goiânia é preso

A Polícia Civil de Goiás prendeu na noite da última sexta-feira (07/09), em Goiânia, o homem suspeito de assassinar a esposa, de 32 anos. O homem foi localizado na tarde deste domingo (09/09), em Taguatinga, no Distrito Federal.

Wendel Roberto da Silva, de 37 anos, confessou o crime e disse ter passado quase três dias escondido dentro de um veículo.

Janys Lima de Melo da Silva, de 32 anos, foi morta a facadas na frente das três filhas, todas menores de idade, na casa onde morava com Wendel Roberto, na Avenida Perimetral, no Setor Coimbra. Após o crime, ele fugiu no carro da família.

Ao tomar conhecimento de que o assassino tinha familiares no Entorno do Distrito Federal, o delegado Dannilo Proto, junto da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH), pediu auxílio a colegas de Taguatinga. Após dois dias de investigações, agentes da 12ª DP de Taguatinga Norte localizaram o veículo, que estava estacionado na porta de um banco, e viram que Wendel estava dentro dele.

Autuado ainda em flagrante, o suspeito falou para o delegado plantonista Daniel Azevedo que após o crime fugiu para Taguatinga e passou os dois últimos dias dentro do carro. Wendel alegou que assassinou a esposa porque teria flagrado no celular dela, indícios de uma suposta traição.

Informado sobre a prisão, o delegado Dannilo aguarda pela audiência de custódia do suspeito, que deve acontecer amanhã (11/09), para então solicitar a transferência dele para Goiânia.

A previsão é que Wendel responderá por feminicídio, e chegue a capital no máximo até a próxima quarta-feira (12/09).