terça, 25 de setembro de 2018

Após simular acidente, homem confessa feminicídio em Belo Horizonte

Após simular acidente, homem confessa feminicídio em Belo Horizonte
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Após simular acidente, homem confessa feminicídio em Belo Horizonte

O ajudante de pedreiro Reginaldo Meireles, de 30 anos, confessou na noite desse domingo (19/08) ter matado a mulher, na mesma manhã, no Bairro Horto, na Região Leste de Belo Horizonte. Ele foi condenado por feminicídio. O homem se entregou numa Companhia da Polícia Militar do Bairro Buritis, na Região Oeste de Belo Horizonte, o suspeito havia negado o crime inicialmente.

De acordo com a PM, a diarista Daniele Aparecida Moreira, de 38 anos, mãe de seis filhos e com dois netos, foi encontrada morta dentro de casa por familiares. O marido dela fugiu depois de subir no telhado de residências vizinhas e, na sequência, foi flagrado por câmeras do BH Vivo caminhando em direção à estação de metrô. Mais tarde, ele se entregou.

Aos policiais, o homem alegou que teria acordado com o barulho na mulher caindo, e só fugiu para não ser agredido pelos familiares da vítima, que estavam agitados.

Levado para a delegacia da Polícia Civil, onde prestou depoimento até a noite deste domingo. A suspeita de feminicídio já existia, já que durante perícia os policiais encontraram indícios de que a mulher tinha sido enforcada antes de ser lançada pelos degraus. Ainda de acordo com a polícia, o corpo apresentava marcas de asfixia. Testemunhas contaram que o casal estava junto há dois anos. 

Fonte: Correio Braziliense